10 de fevereiro de 2012

Resenha - O Preço de Uma Lição




Título: O Preço de Uma Lição - Às Vezes Amar Muito Não Basta
Autores: Federico Devito e Gutti Mendonça
Editora: Novo Conceito
Páginas: 368
Ano: 2011
ISBN: 9788563219664



"Tem um ditado que diz que o amor é cego. É justamente o contrário.
Quando você ama de verdade, é capaz de ver coisas que ninguém consegue. Falam que você não consegue enxergar os defeitos, pura mentira também! Você vê, estão todos lá. Mas vê também algo que só você
pode, como lidar com eles e contorná-los. Então, o amor não é cego, ele é a maior lente de aumento que já inventaram.”
Como acontece esta coisa chamada amor? Nasce junto com a gente, mas não depende só de nós. A gente sofre e faz sofrer, ama e é amado. E com isso aprende muita coisa. Lições que trazem consequências, problemas e soluções.
O preço desse aprendizado transforma o garoto em um homem. Esta narrativa, cheia de incidentes, mostra que – ao contrário do que dizem algumas garotas – os meninos são, sim, capazes de amar.
Quais as transformações que o amor pode provocar na gente? O que ele ensina? Qual o seu preço? Acompanhe a jornada de um jovem, transformado pelo amor, à procura dessas respostas.

O Preço de uma Lição, conta a historia de um garoto "ele", o livro se passa em primeira pessoa e conta passagens de sua vida, desde quando era garotinho, seu relacionamento com seus três amigos, duas meninas eu um menino, Manoela, Cláudia e Paulino.
O tempo passa, acontece a descoberta dos prazeres da adolescência, os primeiros amores e as despedidas. Os quarteto terá que se separar, Manoela, Cláudia e Paulino vão embora do Brasil e "ele" agora terá que lidar com um novo sentimento, saudade, além de ter que fazer novos amigos.
"Ele" é o cara dos sonhos, simpático, inteligente, bonito além de não beber e nem fumar (glória, cheiro de cigarro não é bom). Mesmo fazendo sucesso com a mulherada, seus relacionamentos foram sempre desastrosos. Em um afesta num sítio o destino resolve ser bom com "Ele" e lhe 'apresenta' Juliana. Bem, bom não seria a palavra certa, porque parece que Juliana não dá a mínima para "ele". Com o passar do tempo, "ele" consegue enfim namorar com Juliana, porém o namoro não é bem visto, porque nesta época, ele tem 20 anos e ela 15.

Ali, descobri o significado da palavra amor. Soube finalmente porque existem tantas explicações de tantos poetas diferentes para uma mesma palavra. É impossível explicar, é algo que só se pode ser entendido por quem sente.

Porém depois de tanto tempo de namoro as coisas começam a ficar complicadas para "ele".
Sua mãe está se divorciando, e terá que mudar de cidade, além disso seu namoro começa a balançar, Juliana está cansada das crises de ciúmes e carência "dele". A partir daqui vocês teram que ler o livro porque eu não conto.

O livro é contato em primeira pessoa, como se fosse um "diário de bordo", sinceramente achei que o livro vosse segir a linha Check lits versão masculina.
Gostei do livro, embora tenha a sensação de que esta faltando alguma coisa, não sei...
Encontrei alguns erros de gramática, isso não atrapalhou a leitura, porém é notável. O acabamento do livro esta lindo e a capa perfeita. Acho que os meninos vão se identificar com o livro, ou não, afinal eu não consigo entender a cabeça dos homens nem com manual de instrução, provavelmente porque o manual está errado. ahuahuah
Brincadeira.

Beijokas enormes



 


8 comentários:

Sora Seishin disse...

Oi Brih!
Já li o livro e não gostei... Não consegui gostar nem da história nem dos personagens.
Mas o acabamento é lindo mesmo!

Beijos,
Sora - Meu Jardim de Livros

Bruno Miranda disse...

Eu li tanta resenha negativa do livro que tinha perdido até a vontade de ler... :S Mas não sei, eu sou menino, pode ser goste, né?! O fato do personagem não ter nome ficou estranho, eu acho, em um livro juvenil... Enfim, ainda vou ler par atirar minhas próprias conclusões! Beijos!

@minha_estante - Minha Estante

Aione Simões disse...

Oi Brih!
Já vi tanta gente falar que não gostou do livro ou, no caso dos que gostaram como você, que sentiu falta de algo que eu nem tenho vontade de ler.
Se eu morresse de vontade antes de ver as resenhas, eu ainda leria, mas, como nunca tive muita, eu passo hehe!
Beijão!

Camila Márcia disse...

Brih, adorei sua resenha. Muito objetiva.
Confesso que tá com uns dois dias que terminei de ler O Preço de Uma Lição também, e realmente achei que faltou alguma coisa. Tipo o livro não é ruim, mas o leitor mais amadurecido espera mais né?rsrsrs

beijos.
Camila Márcia
@camila_marcia
http://delivroemlivro.blogspot.com/
http://devaneiosfugazes.blogspot.com/

R. S. Pereira disse...

Ah, eu confesso... Comprei esse livro, e li até o capítulo 7 (eu acho)... Não sei, achei a história meio parada, meio melada. Vou terminar de ler! Juro!

A escrita é boa, atual (e ás vezes meio surreal,tipo, não é qualquer um que consegue subir na vida tão fácil assim), e divertida tbm, mais me perdi em alguns pontos da história.

Mesmo assim, ótima resenha Brih! :n
Bejoo!

R. S. Pereira - ZaaKar.com
http://zaakarcom.blogspot.com/

Vanessa Vieira disse...

Parabéns pela resenha Bri! Estou ansiosa para ler O Preço de Uma Lição! Beijos!

Thais Priscilla disse...

Ainda não li mas não estou com muitas expectativas :)

Beijinhos,
Thais P.
http://thaypriscilla.blogspot.com

Ludmila disse...

Oi, Bri!
Eu não tenho muita vontade de ler esse livro.
Claro que se um dia ele parar nas minhas mãos eu leio, mas não tenho pressa nenhuma e nem loucura para lê-lo.
Todas as resenhas que eu li tiveram a mesma opinião que você; a sensação que esta faltando alguma coisa.
Gostei da sua resenha!
Beijo

Postar um comentário

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...